Execução

Execução

1° Desligamento

Aguardamos o desligamento da chave Matheus do proprietário, que é feita pela concessionária de energia responsável do serviço de rua;

2° Liberação

Ocorre logo após o técnico responsável verificar se tudo está devidamente desligado. Quando necessário, utiliza aterramento provisório. Depois a equipe é liberada e damos início aos serviços;

3° Limpeza

É feito a limpeza de toda a subestação, reaperto das conexões e equipamentos;

4° Medições (aparelhos)

  • Mehgometro 10KV - (este equipamento é utilizado para medir isolações dos cabos de entrada 8,7/15KV, chaves seccionadoras, disjuntor de proteção de 17,5KV, TP’S e TC’s de medição e proteção e transformadores de potência);
  • TTR (este equipamento é utilizado para medir relação de transformação);
  • Ducter 10A (este equipamento é utilizado para medir a resistência de contatos das chaves seccionadoras e do disjuntor de proteção, e resistência ôhmica de enrolamento dos transformadores de potência);
  • Terrometro (este equipamento é utilizado para medir a resistência ôhmica de aterramento).

5° Coleta do óleo do(s) Transformador(es) de Potência

por último é feita a coleta do óleo do(s) transformador(es) de potência. Junto com os dados do(s) transformador(es), esse processo é necessário para as analises físicas e cromatográficas;

6° Solicitação de Religamento

Solicitação de religamento: é solicitado a religação da chave Matheus e acompanhamento da concessionária de energia para religar.

7° Prazo

No dia seguinte, após a manutenção, é enviado ao laboratório responsável as amostras para serem analisadas. 15 dias depois da execução ficam prontos os laudos;

8° Análises

  • Análise Físico-química - Determina a condição de isolação e o estado de envelhecimento do óleo mineral isolante. Os resultados são comparados aos valores pré-estabelecidos em normas. Valores fora dos limites especificados indicam necessidade de tratamento termo-vácuo, substituição ou regeneração do óleo mineral.
  • Tratamento Termo-vácuo - É feito através de bombas a vácuo e outros equipamentos. Executamos a remoção das impurezas do fluído, prolongando a vida útil do óleo.
  • Análise cromatográfica - Determina a concentração dos gases dissolvidos no óleo mineral isolante. O envelhecimento natural do equipamento pode ser remediado com a eliminação desses gases imersos no óleo.Observações: usar um óleo de má qualidade traz sérios danos ao equipamento. Daí a importância do nosso trabalho de prevenção que detecta qualquer defeito ainda no estágio inicial, a partir da composição dos gases e da rapidez com que eles são formados.

9° Fotos

Durante o período de serviço são tiradas fotos da execução e servem para inclusão no relatório final;

10° Relatório

Por meio deste relatório que detalhamos o serviço feito. Incluímos fotos, dados coletados, especificações técnicas e análises. Caso seja necessário é indicado no relatório a necessidade de manutenção corretiva;

11° Entrega de Laudos e Relatórios

É feita a entrega de uma cópia dos laudos e dos relatórios por e-mail, dando por fim os serviços. O laudo original é entregue por correios ou em mãos para a contratante;

12° Reunião Pós-Serviços

Após a entrega dos laudos e dos relatórios, é agendada uma reunião da contratada com a contratante para explicações técnicas dos documentos apresentados;

13° Feedback

Entramos em contato com a contratante para avaliações, sugestões ou reclamações de nossos serviços prestados.

Redes sociais

Localização

  • Localizado em Perus,
    SP - Zona Oeste

Contatos